12/10/2009

Feriadão na telona

Feriadão é sempre dia de filmes...e nem sempre os clássicos, mas bons filmes...sempre!
Comprei este DVD na 2001 Vídeo. Vale a pena pq é um filme que vou querer assistí-lo mais vezes...


Outro motivo pelo filme é a Julie Christie. Muitos já sabem que sou fã...e apesar da restrita participação dela...é certeza de filme bom.
Ainda no elenco: Sarah Poley, Tim Robbins (marido da Susan Sarandon), Javier Camara (excelente ator espanhol) e outros. A diretora é Isabel Coixet com produção de Pedro e Agustín, ambos Almodóvar. Este mesmo núcleo produziu em 2003, o belíssimo " Minha Vida Sem Mim" com Sarah Poley. Aliás, depois deste filme, Sarah dirige Julie Christie no premiado "Longe Dela".

A Vida Secreta das Palavras é um filme que conta a história de Hanna (S. Poley), uma mulher solitária, econômica com as palavras e com um passado misterioso. Ela, uma operária exemplar, é obrigada a tirar férias. Num vilarejo na Grã Bretanha, sem ter o que fazer, aceita a incumbência de cuidar de um funcionário gravemente ferido (Tim Robbins) numa plataforma de petrôleo, em alto mar. Ambos partilham uma relação de verdades, mentiras, condescendência e segredos.
Ficha técnica:
título original: La Vida Secreta de las Palabras
gênero: Drama
duração: 01 hs 55 min
ano de lançamento: 2005
site oficial: http://www.lavidasecretadelaspalabras.com/
estúdio: El Deseo S.A. / Hotshot Films
distribuidora: Europa Filmes
direção: Isabel Coixet
roteiro: Isabel Coixet
produção: Esther García e os "mano" Almodóvar
música:
fotografia: Jean-Claude Larrieu
direção de arte: Nigel Pollock
figurino: Tatiana Hernández
edição: Irene Blecua
efeitos especiais: El Ranchito
elenco:
Sarah Polley (Hanna)
Tim Robbins (Josef)
Javier Cámara (Simon)
Eddie Marsan (Victor)
Steven Mackintosh (Dr. Sullitzer)
Julie Christie (Inge)
Danny Cunningham (Scott)
Dean Lennox Kelly (Liam)
Daniel Mays (Martin)
Sverre Anker Ousdal (Dimitri)
No domingo, tava passando " O Céu Pode Esperar" no canal TCM da NET. A versão original de 1978 com Warren Beauty, Julie Christie, Dyan Cannon, James Mason, Jack Warden e outros.

Asssiti esse filme na época e depois nunca consegui vê-lo desde o início na TV. Um dia, eu compro o DVD.
Joe Pendleton (W. Beatty), jogador de futebol americano do L A Ram, é mandado acidentalmente para o Paraíso, décadas antes da sua morte. Quando o erro é constatado ele volta para a Terra, mas seu corpo tinha sido cremado. Habita então provisoriamente, o corpo de um magnata, assassinado pela esposa (D Cannon) e pelo assistente(Charles Grodin), amante da esposa. Como Joe passa a habitar o novo corpo, começam as confusões e nasce um novo magnata. Bety Logan (Julie Christie), uma jovem que buscava reparar injustiças feito por uma das indústrias de Farnsworth, se apaixona pelo magnata.
Ficha técnica:
título original: Heaven Can Wait
gênero: Comédia
duração: 01 hs 40 min
ano de lançamento: 1978
estúdio: Paramount Pictures / Shelburne Associates
distribuidora: Paramount Pictures
direção: Warren Beatty , Buck Henry
roteiro: Elaine May e Warren Beatty, baseado em peça teatral de Harry Segall
produção: Warren Beatty
música: Dave Grusin
fotografia: William A. Fraker
figurino: Richard Bruno e Theadora Van Runkle
edição: Robert C. Jones e Don Zimmerman
elenco:
Warren Beatty (Joe Pendleton)
Julie Christie (Betty Logan)
James Mason (Sr. Jordan)
Jack Warden (Max Corkle)
Charles Grodin (Tony Abbott)
Dyan Cannon (Julia Farnsworth)
Buck Henry (Garoto de programa)
Vincent Gardenia (Krim)
Joseph Maher (Sisk)
Hamilton Camp (Bentley)
Arthur Malet (Everett)
Stephanie Faracy (Corinne)
Jeannie Linero (Lavinia)
Larry Block (Peters)
Destaques:
- Warren Beauty é meu xará...ele se chama Henry Warren Beauty. Irmão da premiada atriz Shirley MacLaine e casado com a atriz Annete Benning. O cara fez quase tudo no filme: ator, diretor, roteirista e produtor. E olha só...foi indicado ao Oscar neste ano como ator, diretor, roteirista e produtor...
Tipo: bateu escanteio e foi pra área cabecear e pegar o rebote!
- o cabelo da Julie Christie...tudo bem, era 1978, mas justo ela?
- a semelhança da atriz Dyan Cannon com a Farrah Fawcet, principalmente neste filme...
olha só:
Dyan Cannon

Farrah Fawcet

2 comentários:

Tobias disse...

"A vida secreta das palavras" é um dos filmes mais bonitos que já vi. Marca uma mudança que podemos perceber nos filmes mais novos do Almodóvar. Já "O céu pode esperar" me lembra Sessão da Tarde... bons tempos!

Cry Of Voodoo disse...

Concordo...101%
mas "O Céu pode esperar" é cult comparado com o que passa nas sessões da tarde de hj em dia...